Anuncie Aqui    |    Denuncie    |    Contato    
 
 
 
 
 
 
 
 
 
   
Bem Vindo ao Nortão Notícias, 29 de Junho de 2017
Pesquisar no site
ESPORTES
     
29 de Dezembro, 2016 - 15:32
Procura-se: Ronda se isola, evita mídia e se "esconde" no UFC em Las Vegas

O pôster do evento anuncia: "Ela está de volta". Os vídeos cinematográficos produzidos para divulgar o UFC 207 focam no retorno daquela que foi a lutadora que abriu as portas da principal organização de MMA do mundo para as mulheres. A curiosidade atiçou fãs, lutadores, imprensa e gerou imensa expectativa para o evento desta sexta-feira. Mas onde está Ronda Rousey?

Faltando apenas um dia para o retorno da ex-campeã peso-galo do Ultimate ao octógono - e pouquíssimas pessoas tiveram acesso a ela em Las Vegas. Blindada pela organização, a ex-judoca tem recebido tratamento de estrela e está sendo mantida distante da mídia e dos fãs. Nem mesmo a campeã, Amanda Nunes, adversária de Ronda na luta principal do UFC 207, viu a rival nos bastidores do evento.

Na última terça-feira, quando compareceu ao MGM Grand Hotel e Cassino, em Las Vegas, para assinar pôsteres e receber o uniforme para a luta, "Rowdy" evitou contato com os fãs e se recusou até a assinar um pôster para um garoto de oito anos.

- Nós estávamos aguardando por ela desde cedo. Antes de ela chegar, sua assessora veio conversar com a gente e explicar que ela não falaria com os fãs e nem tiraria fotos, porque está totalmente focada na luta. Assim que ela chegou, passou pela gente e viu um garoto de oito anos que estava ali com o pai aguardando uma oportunidade de foto. Ela perguntou o nome dele e disse: "Oi, eu sou a Ronda. Eu não vou tirar fotos ou assinar nada hoje porque estou totalmente focada na minha luta, mas foi um prazer conhecê-lo" - revela um fã, que não quis se identificar.

Rousey não luta desde a derrota para Holly Holm, em novembro de 2015, e tem sido uma espécie de fantasma não só na semana do evento como nos últimos meses. As poucas aparições que fez antes do UFC 207 não traçam um panorama completo de seu estado físico ou emocional. A lutadora se manifesta em suas redes sociais postando vídeos e fotos de sua preparação, mas não tem respondido aos fãs. Para completar, nem mesmo as pessoas de sua equipe estão acessíveis para entrevistas, fazendo com que Ronda se torne ainda mais ausente no evento que promove a sua volta ao esporte.

FAVORITISMO EM XEQUE

Acostumada a ser a preferida do público em seus confrontos, Ronda nunca entrou para lutar com tão pouco favoritismo. Nas casas de apostas de Las Vegas, a americana tem leve vantagem contra a brasileira nas odds (índice que mostra o valor que cada casa de aposta pagará por cada dólar apostado na luta, tendo em conta a probabilidade deste resultado).

Na noite desta quarta-feira, Ronda aparecia com -150 contra + 120 de Amanda na Sportsbook. O que significa que é preciso investir 150 dólares (ou R$ 525) na americana para faturar US$ 100 (R$ 350) caso ela vença. Quem investir US$ 100 em Amanda, leva US$ 120 (R$ 420) caso ela saia vitoriosa. Os números são parecidos na Bovada (-140 contra + 110) e na SportsBet (-127 contra +113), mas nem de longe lembram o favoritismo de Rousey em outros combates.

As odds são calculadas a partir de sofisticados softwares, que realizam uma série de cálculos para definir a probabilidade de um determinado resultado. Esses índices podem mudar por diversas razões, como uma lesão anterior do atleta, sua última performance no octógono ou outras circunstâncias não previstas.

- No caso de Rousey, a derrota para Holly Holm somada ao seu "ano sabático", certamente contribuíram para esse equilíbrio com a Amanda Nunes. Além disso, muitos fãs chegam para o combate um pouco em cima da hora e acabam apostando de acordo com o clima do evento. Como a Ronda não apareceu até agora e a Amanda deu mais entrevistas nessas duas semanas anteriores ao evento, isso faz com que a Amanda esteja mais em evidência. Mas as coisas costumam mudar um pouco ou não depois da pesagem. Depois da encarada as apostas tendem a aumentar e isso pode alterar esse favoritismo - declara Anthony Wilson, fã de MMA e apostador profissional.

PROMOÇÃO DISCRETA

Sempre que um card do UFC acontece em Las Vegas, a cidade passa a respirar luta. Seja nas máquinas dos cassinos ou nos painéis eletrônicos, sempre há um lembrete para o turista mais desavisado "descobrir" que existe um card do Ultimate naquela semana. Dessa vez, no entanto, a promoção tem sido bem discreta.

No MGM Hotel e Cassino, onde os lutadores estão hospedados, apenas um cartaz do lado de fora promove o UFC 207. No lobby, não há pôsteres. E o tradicional octógono com o leão no centro não foi montado.

Questionados pela mudança, funcionários do hotel afirmam que a propriedade está trocando os monitores do lobby, mas fora isso não há nenhuma outra promoção do card nos ambientes internos.

No aeroporto da cidade, poucos cartazes mostram a luta. Alguns táxis também exibem propagandas de Nunes x Rousey. Na arena sede da luta, as promoções do card estão apenas no painel eletrônico que, embora seja gigante, exibe também outras propagandas.

No mais, apesar do UFC 207 acontecer um dia antes da véspera de Ano Novo, os fãs continuam chegando para ver o duelo. Ronda fará a sua primeira aparição na manhã desta quinta-feira, quando comparecerá à tomada de peso oficial. A encarada com Amanda Nunes acontece apenas na parte da tarde (21h30 no horário de Brasília), na pesagem aberta aos torcedores.  

O canal Combate transmite o evento nesta sexta, ao vivo e com exclusividade, a partir de 22h30. O Combate.com acompanha todos os detalhes do show em tempo real, além de exibir os dois primeiros duelos do card preliminar.

UFC 207

30 de dezembro em Las Vegas, EUA

CARD PRINCIPAL (a partir de 1h30, horário de Brasília)

Peso-galo: Amanda Nunes x Ronda Rousey

Peso-galo: Dominick Cruz x Cody Garbrandt

Peso-galo: TJ Dillashaw x John Lineker

Peso-meio-médio: Dong Hyun Kim x Tarec Saffiedine

Peso-mosca: Louis Smolka x Ray Borg

CARD PRELIMINAR (a partir de 22h30, horário de Brasília)

Peso-meio-médio: Johny Hendricks x Neil Magny

Peso-médio: Antônio Cara de Sapato x Marvin Vettori

Peso-meio-médio: Mike Pyle x Alex Garcia

Peso-meio-médio: Alex Cowboy x Tim Means

Peso-meio-médio: Brandon Thatch x Niko Price


Fonte: Combate.com
 0 Comentários  |  Comente esta matéria!
ESPORTES
24/06/2017
23/06/2017
22/06/2017
21/06/2017
14/06/2017
11/06/2017
08/06/2017
22/05/2017
17/05/2017
10/05/2017
09/05/2017
08/05/2017
05/05/2017
27/04/2017
17/04/2017
05/04/2017
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
ENQUETES
VARIEDADES
OPINIÕES
NOTÍCIAS
Copyright © 2010 - Nortão Notícias
Quem Somos  |  Denuncie  |  Contato

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player